Nidete

Designação do projecto: Nidete – Candidatura 039836
Código do projecto: POCI-01-0247-Feder-039836

Objetivo Principal: Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação.
Região de intervenção: Norte
Entidade beneficiária: FERESPE – Fundição Ferro e Aço,Lda; Universidade do Porto; Intermolde – Moldes Vidreiros Internacionais,Lda

Data de aprovação: 15-01-2019
Data de início: 01-03-2019
Data de conclusão: 28-02-2022
Custo total elegível: 1.014.145,56€
Apoio financeiro da União Europeia: 709.850,27€ FEDER

Objetivos e atividades:

Objetivos:
– Desenvolver competências na produção de componentes complexos por fundição de precisão, com ligas de níquel de elevada resistência à fadiga térmica;
– Criar competência nacional para minimizar a necessidade de importação de peças complexas por fundição de precisão, garantindo prazos de entrega mais curtos, num nicho de pequenas e médias séries.
– Reforçar a posição a nível europeu no fornecimento de peças complexas por fundição de precisão.

Atividades:
Seleção de ligas metálicas; Seleção e análise de carapaças cerâmicas; Projecto de componentes-protótipo; Ensaios preliminares do processo de fusão e vazamento; Ensaios de fusão, vazamento e corte; Ensaios de tratamentos térmicos; Ensaios de maquinação; Testes e inspeção; Fabrico de componentes-protótipo; Processos de maquinação; Acompanhamento no end-user; Divulgação junto dos mercados alvo e comunidade científica; Gestão do projeto.

Resultados esperados/atingidos
Pretende-se que as soluções produzidas garantam no mínimo, 72 horas de produção, mais 50% do verificado atualmente. O tempo de vida dos componentes protótipo propostos supera o dos componentes habitualmente usados no que respeita a horas em serviço sem intervenção para inspeção ou reparação, que nos componentes atuais ronda as 48 horas. Os componentes atuais permitem normalmente 4 ou 5 reparações até fissurarem irremediavelmente, e com os novos materiais espera-se que os componentes suportem no mínimo o dobro das reparações. Com este projeto pretende-se que os parceiros desenvolvam conhecimento e materiais de performance melhorada que permita produzir componentes que se vão destacar da demais concorrência.